sábado, 17 de fevereiro de 2018

Cinema - Pantera Negra



(O Que Achamos?) - Pantera Negra

De: 0-5
Nota: 4.0 (Ótimo!)
Cenas pós-créditos: Duas

________

Com uma narrativa cheia de indagações positivas, ‘Pantera Negra’ é o filme que o mundo precisa encarar.
________

Muitos anos se passaram desde a criação do Universo Cinematográfico Marvel – heróis e vilões foram apresentados, sendo que alguns tiveram uma vida longa e outros nem tanto.

Mas o que regeu todo esse sucesso foi a famosa ‘Fórmula Marvel’ tão valiosa quanto o Vibranium, que com o passar dos anos acabou seguindo o mesmo padrão genérico, salvo claro, algumas exceções. Né, Capitão América: Soldado Invernal?!

O Diretor –

Ryan Coogler, depois de criar sua própria identidade cinematográfica ao dirigir Creed: Nascido para Lutar, onde revitalizou uma das mais importantes franquias do cinema – Rocky (Sylvester Stallone) mostra toda sua “garra” (pegou a referência), e senso de oportunidade ao apresentar o “seu” Pantera Negra ao público, de uma forma sincera e cheia de questionamentos relevantes.

O Filme –

Acompanhando por todos esses anos os acertos e erros dos filmes de herói (estou falando de todos os Universos), vejo que estava na hora da mudança acontecer. O mais do mesmo cansa!

E esse filme chegou em um bom momento: o MUNDO está mudando, as pessoas estão lutando para serem ouvidas e barreiras até então banais estão sendo postas de lado. Tudo isso somado com ótimas cenas de ação, coloca ‘Pantera Negra’ em um lugar de destaque.

Filme não é PERFEITO! Tem lá seus problemas técnicos, como os efeitos visuais, que por várias vezes tem um peso significativo, porém graças à narrativa expressiva, no geral, isso acaba não tendo tanto valor. Outro ponto importante é o excelente ‘Vilão’, Erik Killmonger (Michael B.Jordam), que merecia mais tempo de tela. Cara... Ele é MUITO bom!

Personagens e Interpretações –

O elenco realmente é poderoso. A participação de cada personagem é muito bem distribuída dando ao filme um propósito ainda mais valioso. E por falar em propósito, o vilão que acabei de citar, merece mesmo um ‘textinho’. O seu propósito, as suas ideias e sua causa, certamente serão lembrados e questionados.

O ator Chadwick Boseman, está cativante como T´Challa, futuro rei de Wakanda, no qual suas intenções para com seu povo, são dignas de um excelente exemplo a ser seguido (fica a dica!). Como Pantera ele entrega ótimos momentos de muita adrenalina e entusiasmo.

As belas guerreiras de Wakanda –

Tudo o que esse filme representa, não soa como uma propaganda, mas sim, na sua sutileza, demonstra a realidade de um mundo a procura de respeito. As mulheres em Pantera Negra são representadas de forma primorosa, sendo fundamentais para o desfecho da narrativa. Danai Gurira (Okoye), Lupita Nyong'o (Nakia) e Letitia Wright (Shuri), são os destaques que fazem parte do sucesso da produção.

Produção –

Algo que merece elogios também é a ‘cara’ que o diretor deu a Wakanda, o Novo e o Velho juntos, caminhando para o futuro é bonito! Toda a tradição dos costumes africanos foi mantida em meio a tanta tecnologia. O figurino com cores vibrantes também só contribuem. E bom, a trilha sonora não é diferente.

Enfim, Pantera Negra é muito mais que filme de super-herói. A forma de se expressar vai muito além. Filme causa um autorreflexão incrível.

Recomendo!

domingo, 28 de janeiro de 2018

Prêmio entregue!

A ganhadora da nossa promoção Ana Correa, já recebeu em casa seu exemplar. Bem vinda a Green Wood Ana.
Sorteio feito, prêmio entregue. 
Obrigado a todos que participaram e divulgaram a promoção.

domingo, 10 de dezembro de 2017

Visitando Escolas

Recentemente estive com os alunos e professores da Escola Estadual Professor Ataliba Pires do Amaral na cidade de Limeira, Falei sobre o meu livro e batemos um papo sobre literatura.